Investigar é preciso

Esta notícia não está bem. A Holanda tem mais ou menos 700.000 funcionários públicos, o que dá aproximadamente 12%-13% do emprego, uma proporção semelhante à portuguesa, como se pode ver no gráfico abaixo (tirado daqui e referente à percentagem de emprego público no total do emprego):

Imagem

Note-se que tanto a Holanda como Portugal são dos países que menor emprego público têm na OCDE (menos, por exemplo, dos que os EUA ou o Reino Unido). Não sei de onde vêm os 150.000 da notícia. Não se trata de saber se a medida é boa ou má. A notícia é que é má. Com electricidade e um computador, isto descobre-se em cinco minutos.


2 Comments on “Investigar é preciso”

  1. Miguel D says:

    Uma dúvida,
    De facto o gráfico do post sugere um valor igual ao de Portugal. No entanto, os outros números são estranhos: se têm 700.000 funcionários para quase 17 milhões de habitantes, nós temos uns 600.000 para 10 milhões… algo não parece bater certo.

    • Luciano says:

      Pois, não sei. Esclarecer isso é que já dá mais trabalho e não é para isso que me pagam… Talvez tenha que ver com a taxa de participação (População activa/População total) ou então com a definição de funcionário público. Um problema especialmente difícil em Portugal é o dos contratados pelo Estado a termo certo ou em regime de prestação de serviços. Quantos são? Ninguém sabe muito bem. São funcionários públicos ou não? Talvez a OCDE tenha decidio excluí-los.


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s